Notícias

0

 

Os servidores do Fisco paraibano retomam a assembleia geral de indicativo de greve, em aberto desde maio, nesta terça-feira (16), às 18h, na sede do Sindifisco-PB. A categoria fiscal permaneceu mobilizada, durante os últimos três meses.

A reivindicação da categoria fiscal é pelo cumprimento da Lei do Subsídio, que deveria ter sido implantada desde o mês de janeiro.

Uma das pastas que tem sido mais solicitadas para o diálogo com o Fisco é a Secretaria de Administração, que ainda não se prontificou a receber a diretoria do Sindifisco-PB para discutir a reivindicação do Fisco. Desde que a Secretária de Administração, Livânia Farias, assumiu o cargo, em junho, a diretoria do Sindicato encaminhou reiterados pedidos de audiência.

Outra questão levantada pelo Sindifisco-PB e que, até o momento, não foi respondida pelo Governo, foi o substancial aumento verificado na folha de pessoal no 3º bimestre, conforme questionamentos do Sindicato embasado nos dados publicados no Diário Oficial. Apesar de já ter solicitado explicações à Secretária de Administração e à Controladoria-Geral do Estado, o Sindicato ainda não recebeu nenhum esclarecimento que justifique o aumento.

Durante a assembleia geral desta terça-feira (16), os servidores fiscais tributários irão se posicionar quanto aos assuntos, definindo um possível movimento grevista ou paralisação.

Ascom

FONTE: http://www.pbagora.com.br/conteudo.php?id=20110815182429&cat=paraiba&keys=fisco-assembleia-geral-retoma-discussoes-indicativo-greve