Notícias

0

Na Assembleia-Geral Extraordinária realizada na comarca de Campina Grande, no auditório do Tribunal do Júri do Fórum Afonso Campos, no dia 22, que tratou, basicamente da reforma do estatuto do Sindicato dos Oficiais de Justiça do Estado da Paraíba, fora deliberado, entre outras alterações de suma importância, a adoção da nova sigla SINDOJUS-PB, em virtude de ser requisito básico para filiação à nova Federação dos Sindicatos dos Oficiais de Justiça do Brasil – FENOJUS.

NOVO PCCR

Na parte dos informes, destacou-se notícia sobre a aprovação do novo Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) na sessão administrativa do Órgão Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), no dia 21, que promoveu avanços financeiros significativos para os servidores.

A admissão do anteprojeto de lei do novo PCCR, fruto do aprimoramento parcial das proposituras constas nos Processos Administrativos nºs. 254.038-0 e 291.029-2, da lavra do SINDOJUS-PB, tem como maior responsável, no âmbito patronal, o Desembargador Abraham Lincoln da Cunha Ramos, Presidente do TJPB, que materializou o compromisso ora ventilado, por ele assumido a esta entidade classista em meados de novembro de 2010, proporcionando, para tanto, em sua gestão, a abertura de diálogo com as entidades representativas dos servidores deste Tribunal a fim de estabelecer o franco debate sobre melhorias salariais e de condições de trabalho. Méritos também são atribuídos à Comissão deste órgão judiciário que o elaborou e o aperfeiçoou, juntamente com os desembargadores.

Uma observação feita pelo presidente do TJPB, durante a aludida sessão do Pleno, é a contínua disposição administrativa para manutenção da relação institucional com as entidades classistas para superação de novos desafios de natureza laboral durante a sua gestão, ambiente democrático no qual, certamente, o SINDOJUS-PB apresentará, permanentemente, os pleitos do interesse da categoria dos oficiais de justiça, para que sejam analisados e, consequentemente, admitidos, conforme os ditames legais que venham robustecer os temas que cercam as matérias a serem tratadas,  oportunamente, na seara administrativa judiciária.

A Diretoria.

Comentários ( 0 )

    Leave A Comment

    Your email address will not be published. Required fields are marked *