Notícias

0

 

No dia 11 de novembro do ano corrente, em sessão da Câmara de Vereadores do município de Ingá, o oficial de justiça Antônio Azevedo Alves, de forma deselegante, infundada e desrespeitosa, fora agredido verbalmente pelo membro desta Casa legislativa, Vereador Alcides Gomes, não satisfeito com uma determinação de uma ordem judicial cumprida por este servidor, conforme teor de expediente encaminhado pelos oficiais de justiça da comarca ingaense ao Sindicato dos Oficiais de Justiça do Estado da Paraíba (SINDOJUS-PB).

O SINDOJUS-PB manifesta, irrestritamente, o seu repúdio ao lamentável episódio que denegriu a honra e a reputação do seu filiado, servidor público de integridade moral e profissional irretocáveis, admirado por todos os colegas da lida forense, bem como pela sociedade ingaense e demais termos desta Comarca, acrescentando veeemente solidariedade da Diretoria Executiva ao estimado oficial de justiça Antônio Azevedo Alves.

Sobre a censurável ocorrência supracitada, o SINDOJUS-PB tomará providências administrativas para sua apuração junto à Câmara de Vereadores de Ingá, sem prejuízo de confecções de expedientes judiciais que visem remediar o dano moral causado ao servidor do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), em face do seu mister.

Comissão desta entidade classista se fará presente à Diretoria do Fórum da comarca de Ingá, bem como à Câmara de Vereadores, com o intuito de aviar as medidas necessárias para responsabilizar o Vereador Alcides Gomes pela injustificável agressão moral sofrida pelo oficial de justiça durante a aludida sessão legislativa, aguardando da aventada autoridade política, para solução pacífica do conflito, a cabal retratação ao servidor Antônio Azevedo Alves em oportuna sessão legislativa da Câmara de Vereadores de Ingá.

A Diretoria.

Comentários ( 0 )

    Leave A Comment

    Your email address will not be published. Required fields are marked *