Notícias

0

A mobilização desta quarta-feira em todo o estado foi o tema principal das entrevistas concedidas pelo diretor jurídico do Sindojus, Francisco Norberto, aos jornalistas Levi Dantas e Pereira Junior, apresentadores dos programas Cidade Noticias e Folha do Sertão, levados ao ar respectivamente pelas Rádios Líder FM 104 FM, ambas da cidade de Sousa.

Durante a primeira delas, que contou com a participação do presidente da Astaj, José Ivonaldo, foram expostas aos ouvintes as razões do protesto, dentre elas, a luta pela jornada de trabalho de seis horas e o impacto no orçamento do Judiciário do auxílio moradia e parcela autônoma de equivalência concedidos à magistratura.

Os dois benefícios importam em torno de 7 mil reais e somados ao auxílio alimentação de 900 reais representam um aumento indireto de 44% nos subsídios de 22 mil reais em média. Em contrapartida, para o servidor, que tem um vencimento médio de 4 mil reais, o reajuste sugerido para a data base no próximo mês de janeiro é de apenas 4%.

[nggallery id=15]

Comentários ( 0 )

    Leave A Comment

    Your email address will not be published. Required fields are marked *