Notícias

0

O Sindicato dos Oficiais de Justiça do estado da Paraíba (SINDOJUSPB) esteve participando a convite do Gabinete dos Deputados Estela Bezerra e Jeová Campos de uma audiência pública sobre a PEC 287/2016 da previdência social, no dia 17/02 (sexta-feira). O evento contou com a participação dos diversos segmentos sindicais, em especial dos trabalhadores do campo e da cidade que superlotaram a Praça 1817, em verdadeiro protesto contra a PEC, ou seja, nenhum direito a menos. Antes, o Deputado Gervásio Maia, Presidente da Assembleia Legislativa reabriu o “parlatório”, o que diante dos fatos, desenvolveu-se a Audiência Pública através do próprio parlatório.

 

BenePEC1Assim, o SINDOJUSPB externou que é contra a PEC, ela trás sérios prejuízos aos trabalhadores. A discussão dela é uma clara manifestação de privatizar a previdência, tornando as pessoas refém do sistema complementar de previdência. Além do que já é corriqueiro no governo, usar a sobra atual para o pagamento dos juros da dívida. O SINDOJUSPB acompanha o movimento A PREVIDÊNCIA É NOSSA! Pelo Direito de se aposentar. Um detalhe no debate é que o Governo não quer que você saiba que mais da metade do suposto “rombo” não é na verdade causado por benefícios, mas, pelas renúncias e desonerações fiscais concedidos às grandes empresas. São mais de 60 bilhões em contribuições previdenciárias que não entram nos cofres públicos por causa das políticas de incentivo.

 

Outro ponto importante do tal “rombo” divulgado pelo Governo se transforma em superávit quando são somadas todas as fontes de financiamento da Seguridade Social. O problema é que eles descumprem a Constituição desde os anos 90, tendo em vista que receitas voltadas para a aposentadoria, assistência e saúde são desviadas para o pagamento da dívida pública.

 

Enfatizamos que o povo não se deixe enganar: as reformas SEMPRE buscam diminuir, dificultar e até mesmo acabar com os direitos e as conquistas dos servidores, trabalhadores e aposentados. Além de sacrificar as mulheres que serão fortemente penalizadas pelas regras propostas na aludida PEC.

 

Portanto, conclamamos aos Oficiais de Justiça ao debate e saudamos a FETAG, na pessoa do presidente Liberalino Nóbrega pelo excelente exercício de cidadania, em protesto memorável na Praça 1817. E o nosso alerta a bancada Federal da Paraíba que pensem nos votos dos trabalhadores e trabalhadoras nesse momento.

 

Saiba mais no site: www.aprevidenciaenossa.com.br

 

A DIRETORIA