Notícias

0

AssembleiaA urgente necessidade de o Tribunal de Justiça da Paraíba reabrir o diálogo em torno do cumprimento da data-base à qual os Oficiais de Justiça e demais servidores têm direito por lei, foi um dos temas discutidos em Assembleia realizada sexta-feira na sede do Sindicato que representa a categoria.

As negociações foram suspensas pelo Tribunal desde o último dia 13 de março, após mobilizações ocorridas em todo o estado – diante do impasse existente até aquela data e após sucessivas reuniões desde o final do ano passado – quanto ao cumprimento da data-base, que deveria ter ocorrido em janeiro.

Nesse contexto, foi decidido, à unanimidade, que o Sindicato aprofundará o debate em torno de novas formas de mobilização, a serem discutidas durante visitas às Comarcas. “Simultaneamente, o Sindojus-PB acionará judicialmente o governo do estado pelas progressivas reduções no duodécimo do Judiciário paraibano por inadmitir o injustificado tratamento que tem refletido negativamente em seu funcionamento e prestação de serviços aos jurisdicionados”, afirmou o presidente Benedito Fonsêca.