Notícias

0

PHOTO-2019-08-28-15-25-12Os Oficiais de Justiça atingidos pelas recentes remoções compulsórias pelo TJ-PB foram reunidos pelo Sindojus-PB no Fórum da Comarca de Campina Grande, ocasião em que, através de seu presidente, Benedito Fonsêca e do assessor jurídico Yuri Paulino, foram tranquilizados quanto à referida medida, bem como mantidos a par das diligentes providências adotadas pela entidade, inicialmente junto ao Conselho Nacional de Justiça.

A propósito, segunda-feira (26), o conselheiro-relator do Pedido de Providências formulado pelo Sindojus-PB, Valtércio de Oliveira, intimou o TJ-PB, para num prazo improrrogável de 48 horas, informar se o ato atacado, objeto de análise pelo Comitê Gestor Regional da Política de Atenção Prioritária ao 1º Grau de Jurisdição e, em caso positivo, que junte o correspondente expediente administrativo.