maio 25, 2021

0

O Sindojus-PB distribuirá nos próximos dias entre os seus filiados, 550 exemplares do livro intitulado “O que o coronavírus nos ensina”, doe autoria de Paramahamsa Prajnanananda, que foram doados pelo juiz Paulo Sérgio da Silva Lima, da 2ª Vara Cível de Natal, que é natural da Paraíba e também escritor, sob o pseudônimo de Paulo D´Aurel.

A obra, de linguagem direta e profunda, é um convite à reflexão sobre nossa relação com o meio ambiente, com os seres humanos, com os animais e especialmente com nós mesmos. É uma obra que oferece luz, respostas e soluções às incertezas da atual crise em que vivemos.

“Através dele, é possível uma visão mais holística, espiritualizada da situação de pandemia da Covid-19 que o mundo atravessa, que pode ser de muita valia para as pessoas se conscientizarem e adotarem determinadas posturas indicadas na obra”, afirmou Paulo.

Os livros foram recebidos na tarde desta terça-feira (25) pelo presidente do Sindicato e contemporâneo dele, Joselito Bandeira, acompanhado do membro do Conselho Fiscal, Iran Lordão.

Ambos agradeceram ao conterrâneo pela doação e o parabenizaram pela pulsante veia literária, materializada, sob o pseudônimo de Paulo D´Aurel, em obras literárias como “Os Dez Mandamentos à Luz da Kriya Yoga”, “Ensaios sobre a Lei da Vida”, “O mensageiro do Amor e “O Ser e a Existência”.

0

O presidente do Sindojus-PB, Joselito Bandeira, foi informado na tarde desta terça-feira (25) pelo desembargador-presidente do Tribunal de Justiça, Saulo Benevides, que determinou a elaboração da folha de pagamento, no sentido de antecipar para o próximo dia 4 de junho a quitação do valor correspondente à metade do 13º salário.

Joselito agradeceu e elogiou a iniciativa, ratificando a confiança em que ela venha a se somar a outras, mais efetivas, voltadas à valorização dos servidores, que são a mola-mestra do funcionamento do Judiciário.